21 de abril de 2010

Preso


Em todos os momentos me lembro do teu rosto, do teu olhar, da tua boca, do teu corpo, não me sais da mente. Ainda te amo, ainda amo não te esquecer, os teus olhos, os teus erros, o teu jeito de olhar com satisfação, ainda amo pensar em ti, ainda te amo mesmo que não queira amar-te, não consigo parar, és parte de mim. Quando durmo ainda sinto o teu cheiro, lembro-me de ti quando ouço uma música, quando faço merda, até quando ligo o computador, quando me arranjo para sair de casa, quando me perfumo, quando choro, quando estou sozinho e eu queria tanto deixar de me lembrar de ti. Queria ouvir a tua voz, sentir aquele teu feitio meigo, o teu abraço, mas não dá. Preciso de rebentar esta corda imaginária que não me deixa fugir de ti.

13 comentários:

Marta Inês disse...

Agora tu é que decides se queres ou não continuar assim.

beijinhos*

S* disse...

As recordações não nos libertam.

Megan disse...

É o amor..e para quem ama, é sempre difícil esquecer, mas o tempo ajuda.

Susy disse...

Não rebentes á força, vai cortando a corta subilmente mas com determinação!

;)

Vera disse...

Esta corda imaginária, nem sempre é fácil de "rebentar", nem é fácil deixar de ter as recordações.
Em relação à situação, sou suspeita, nada a dizer. Em relação ao texto, lindo, lindo, lindo.

Bailarina disse...

É dificil, lebertarmo-nos dessa corda, mas um dia isso acontece... Só temos que deixar o tempo correr a nosso favor!! Eu sei, que toda a gente nos fala, que o tempo é o melhor remédio e que nunca acreditamos nisso, mas quando tudo passa percebemos, que o tempo cura tudo!!
Bjinho*

Scarlet_Perry disse...

Ó meu, que é isto??????????
Andamos os dois na mesma merda, agora é?
Enlouqueceste ou estas a gozar com a minha situação? grrrrr

Fresco_e_Fofo disse...

Há coisas que não se apagam, com um simples passar de esponja.
O amor é f.....
Lol

Abraço.

Dream on girl disse...

Essas palavras descrevem precisamente o que estou a passar...
Um texto muito bonito, parabéns.
E força...

Malena disse...

Fizeste-me lembrar a S*! Será que vocês não se dariam bem? ;)

» sereia, da flor branca e lilás « disse...

"MIUDO" entendo-te perfeitamente, mas deixa-me que te diga, isso ainda te vai acompanhar por uns belos tempos.
Só o tempo irá suavisar o que sentes e as recordações, quando não te leva a ter um um conjunto de certezas.

A VIDA É FEITA de vivências, umas boas outras nem por isso, mas sempre para aprendermos a melhor forma na fase seguinte.
Vive ao mais alto nível as fases que se seguem, mas não percas o que de melhor tens.

**BE HAPPY


ps: o teu sentido de humor já é 5*, aperfeiçoa o resto ;)

izzie disse...

Been there, done that!

Survived :)

Beijinho e força (já que estamos a psaar por momentos parecidos... sabes onde me encontrar).

vais conseguir disse...

há uns dias atrás encontrei no mundo da "blogosfera" uma frase que dizia mais ou menos isto...

"A pior coisa que podemos fazer a alguem é esquecermo-nos dela"

É deixar passar o tempo e ver o que acontece... Já dizia Mark Twain "É melhor merecer as honras sem recebe-las do que recebe-las sem merecer"

Abreijos