12 de abril de 2010

Meu rico Portugal


Eu sempre desconfiei que a situação financeira deste país não estava tão mal como se falava. Era uma maneira de não aumentarem os ordenados dos mais desfavorecidos, só para continuarem a aumentar as reformas e ordenados dourados. Após ouvirmos tantas vezes os políticos mandarem-nos apertar o cinto, lá vamos nós emprestar 775 milhões de euros à Grécia.

Emprestar, não vamos dar, fico muito mais aliviado, como se a Grécia nos fosse pagar algum dia. Vai dar, lá estou eu, não é dar, é emprestar, o roto ao esfarrapado. Daqui a pouco, estaremos nós a pedir emprestado também. O pior é que, isto de a UE andar sempre a emprestar dinheiro, quando chegar a nossa vez de pedir, não vai ter nenhum. Mas os portugueses são assim, somos uns queridos, uns generosos. Eu já sei, pertencemos à União Europeia e nestes acordos não podemos fugir. E como o dinheiro não irá sair dos bolsos, dos nossos governantes, para quê nos colocarmos à margem deste empréstimo. Vamos lá emprestar o dinheirinho do povo, eles que trabalhem, isto é, se tiverem trabalho, se não tiverem que se...

Eu até podia estar aqui a falar nos porquês de a Grécia ter chegado a tão lindo estado, mas depois de olhar para Portugal decidi mudar o prisma deste post, e nem me referir a isso. Mas queria só dizer que o salário mínimo na Grécia é qualquer coisa como 740€. Agora vou só ali procurar uma ponte para passar as noites, e já venho.

15 comentários:

Nox Lilin disse...

775 milhões de euros!!!!
Maaaaas, DE ONDE RAIO, SAIU ESTE DINHEIRO?

Lia disse...

as pontes estão quase todas ocupadas, meu amigo...contenta-te com um viaduto ou assim!

Mariquita disse...

750 milhões de euros no total... cada um de nós vai dar 73 euros. E pensar que não comprei um relógio de 80 euros porque precisava do dinheiro. Até me dá urticaria. Vou mas é já comprar o relógio! Antes que dêem o meu dinheiro todo aos outros... Aos outros que em vez de fazerem alguma coisa para mudar a situação andam pelas ruas a matarem-se uns aos outros! Isto não é Santa Casa da Misericórdia! Mas como os gestores de topo ganham 98 vezes mais do que os trabalhadores comuns podiam cada um dar os 73 euros 98 vezes... Eles são tantos que nós não tínhamos que pagar!

Scarlet_Perry disse...

Ainda hoje comentei essa noticia!Que ultraje!Temos tanto, que ate nos sobra para andar para ai a distribuir a paises mais ricos que nos!Devem achar que ainda estamos em '91!
Enfim...
Beijinho.
PS - Aguardo o convite para o dito jantar! Mesmo nao sendo anonima! ;)

Violet* disse...

Concordo contigo... e se eles nao o trabalharem pah nós somos solidários damos mais de certeza!!

fuck...

boa semana ;)

Palavra Já Perdida disse...

Nós somos uns mãos largas, que oruglho uh ??
E 740€...o que é isso perante os nossos 475 €?
Somos um máximo...


Enfim, raio de ideia...

Mi disse...

Daqui a 20 anos, se continuarmos com os mesmos no poleiro, ainda vamos ouvi-los a dizerem que o país está em crise e temos que apertar o cinto. E os pacóvios vão continuar a acreditar que o estado de merda em que nos encontramos é por causa de uma qualquer crise internacional.

Ritinha disse...

concordo contigo... é realmente indecente --'

beijinhos

wendypan@ disse...

é sempre bom fazermos figura de país generoso .
Onde é que isto já se viu ? Só mesmo em território Tuga ...

Nokas* disse...

Eu quando ouvi esta notícias também fiquei um bocado estupefacta! Mas de facto estes pactos com a UE têm de ser cumpridos, mas porra era preciso "emprestar tanto dinheiro"??????

Tia Complicações disse...

Diz o tacho para a panela, chega pra lá não me mascares...
O governo português sempre gostou de viver de aparências. Não têm onde cair mortos, gastam o dinheiro em fantochadas e agora são muito generosos, com os outros cujo ordenado mínimo é a modéstia quantia de 740€......

Bloguótico disse...

Pois... vamos "esprestadar" uns trocos que nem nos fazem falta nem nada! :S

Bailarina disse...

Isso dá mais ou menos 70euros por cada Português!! Isto é mais que muito dinheiro, quando estamos quase a a atirar-nos da ponte abaixo... Os meninos da Grécia que falem com os Anjos e Arcanjos e todos os Deuses Gregos, mas que não nos venham tirar aquilo que já temos pouco!!
Bjinho*

izzie disse...

Ao menos não é "uma ponte" para te atirares...
Senão ficava triste, que os gregos e o nosso governo não merecem tal sacrificio (isto agora ficava bem uma referênciazinha aos sacrificios da Antiguidade...)

Mas pontes antes de feriados quero! E muitas!

Beijinho,

Marta Inês disse...

Eu nao estou aqui a defender ninguém mas, o ordenado minino é 740 euros, mas lá um cafe pode custar por volta dos 3 euros. Agora basta imaginar o resto dos bens essencias, que devem ser muito mais caros que em Portugal.
Se eles estão na merda, nós nao saimos de lá.

beijinhos*