11 de junho de 2010

Fico mesmo irritado com isso...



Detesto pessoas sem frontalidade, que se escondem por trás de barreiras para atirar pedras e depois, como se nada fosse, continuam com os chamados “sorrisos de plástico”. Que gostam de usar subterfúgios quando não têm frontalidade nem personalidade suficiente para dizer na cara.

9 comentários:

Vera disse...

Definitivamente não me encaixo, nem sequer chego perto. E também detesto as pessoas assim, sem coragem para dizer o que pensam.

Lia disse...

não têm coluna vertebral... dobram para onde dá mais jeito!

Waldorfa disse...

Como te entendo trabalhei quatro anos com uma pessoa assim, que eu pensava que era minha amiga, até me ter despedido sem mais nem ontem, e nem teve a decência de me dizer nada, mandou a advogada dizer, e no fim ainda veio cheia de sorrisinhos, puta que pariu!

Aninhas disse...

É isso e pessoas hipócritas...

Bjx

Malena disse...

Apetece mesmo pregar-lhes uma rasteira para lhes fazer cair a máscar; não apetece?
Bjts da Tia

Martini Bianco disse...

Mas pior que isso são aqueles que não sabem usar a "frontalidade" que com pompa que auto-proclamam, para algo que lhes possa valorizar. Quase sempre é para desiludirem. Temos mais esses.

Pequena Lince disse...

Idem....e é por concordar com o que dizes que sempre tive tendência para criar antipatias pela minha pessoa.....para o lado que durmo melhor!!!!

Palavra Já Perdida disse...

Isso é horrível de se passar e eu infelizmente tenho de conviver com isso todos os dias.. brrrrr
Mas sabes uma coisa? A máscara acaba por cair...

Beijoca Plutinho *

Blogadinha disse...

Ou isso ou covardia.
Mais do mesmo... :))